‘Globo Rural’ conta história de agrônoma pioneira da agroecologia


Neste domingo, dia 16, o ‘Globo Rural’ apresenta uma reportagem de Vico Iasi que traça o perfil de Ana Maria Primavesi, uma das figuras mais conceituadas da agronomia brasileira e resgata as principais técnicas desenvolvidas por ela. Com 92 anos, recentemente Ana Maria recebeu o prêmio da Federação Internacional do Movimento de Agricultura Orgânica, considerado um dos mais importantes da agricultura orgânica no mundo.

Formada em engenharia agronômica, Ana Maria é uma das pioneiras em agroecologia no país e sempre defendeu a conservação natural da terra, sem uso de adubos ou agrotóxicos. Na década de 70, ela ajudou a desencadear uma grande evolução no manejo do solo. Nessa época, a agricultura brasileira copiava técnicas desenvolvidas em países de clima frio e Ana Maria defendia um jeito tropical de conduzir as lavouras, com cultivo mínimo da terra para evitar erosão e proteger os microorganismos que dão vida ao nosso solo.

Ainda neste domingo, César Dassie apresenta uma nova raça de gado para corte em desenvolvimento no Paraná. Batizada de Purunã, a raça é derivada do cruzamento de Charolês, Caracu, Aberdeen Angus e Canchim, aproveitando as qualidades de cada uma das raças, como ganho de peso, fertilidade, rusticidade e resistência a pragas.
O ‘Globo Rural’ também mostra uma reportagem sobre a quebra da safra dos Estados Unidos. Em Indiana, a repórter Mila Burns mostra os efeitos provocados pela pior seca dos últimos 50 anos na maior região produtora de grãos do país.
O ‘Globo Rural’ vai ao ar aos domingos, logo após ‘Pequenas Empresas & Grandes Negócios”, e de segunda a sexta, após o ‘Telecurso’.
Crédito – repórter Mila Burns em Indiana
 

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

0 comentários:

Postar um comentário

Comente, sua opinião é importante para o blog.