Elenco da Rede Globo dá dicas de prevenção contra a dengue

Dira Paes, Eriberto Leão e Tadeu Mello se unem na luta contra a dengue em campanha promovida pela Rede Globo. 

A partir de domingo, dia 27, entram no ar vídeos ilustrativos com os atores dando dicas de como evitar os focos de proliferação do mosquito da dengue.

“Para derrotar a dengue, tampe caixas d'água e cisternas, cuide da sua piscina e coloque areia nos pratinhos de plantas. Olha a água acumulada na laje, gente! Não pode!”, diz Eriberto em um dos vídeos.

Entre outras dicas estão também limpar calhas, colocar o lixo em sacos plásticos, manter a lixeira sempre fechada, encher de areia os pratinhos de plantas, manter fechados os tonéis, barris, latões ou qualquer outro reservatório de água e virar as garrafas vazias de boca para baixo.

Criados pela Central Globo de Comunicação (CGCOM), os vídeos vão ao ar nos intervalos da programação da emissora.

Assista aos vídeos aqui:


Eriberto leão

 


Tadeu Mello




Dira Paes






Mais novidades em www.redeglobo.com.br e @rede_globo.

 

Dilma Rousseff é recebida por Ana Maria Braga


Na manhã desta segunda-feira, a presidente Dilma Rousseff esteve na casa de cristal do programa ‘Mais Você’ e foi entrevistada pela apresentadora Ana Maria Braga para o programa que vai ao ar amanhã, dia 01 de março.

Dilma chegou de helicóptero à Central Globo de Produção, em Jacarepaguá, por volta de 11h20, e foi direto para a casa do ‘Mais Você’. Durante o trajeto, Ana Maria acompanhou os passos da presidente, contando um pouco de sua história e apresentando ao telespectador as instalações da TV Globo por onde passava a comitiva presidencial.

Ana Maria recebeu Dilma com um forte abraço e mostrou o estúdio e os jardins do programa, que foram muito elogiados pela presidente. No café da manhã, Dilma agradeceu a solidariedade de Ana Maria em um dos momentos mais difíceis de sua vida, quando recebeu o diagnóstico de câncer. Ambas tiveram a mesma doença e conversaram sobre a luta que travaram para vencê-la.  A apresentadora também comentou o fato de verem a presidente como uma pessoa dura. “É interessante como esperam de nós, mulheres, uma certa fragilidade. Isso decorre do fato de que a mulher, quando assume um alto cargo, é vista fora do seu papel. Acho que, a partir de agora, isso vai começar a ser encarado como uma coisa normal e natural. As pessoas vão se acostumar com cada vez mais mulheres conquistando espaço”, disse a presidente.

No segundo bloco, o programa ouviu cidadãos de diferentes cidades do Brasil. Dilma se surpreendeu com os comentários, principalmente com a constatação de que os brasileiros a vêem como uma pessoa como eles. Questionada sobre a adoção da palavra ‘presidenta’, no feminino, Dilma explicou que é uma obrigação que tem com as mulheres brasileiras que, muito antes dela, saíram de suas casas para estudar, trabalhar e construir o Brasil de hoje. “É para enfatizar que a agora existe uma mulher no mais alto cargo do país, que nós podemos sim chegar longe”, explicou Dilma. 

Participação especial do terceiro bloco, a ex-candidata à presidência da República Marina Silva perguntou, por vídeo, sobre a falta de igualdade de oportunidades e Dilma rapidamente enfatizou a necessidade de políticas sérias para, não só inserir cada vez mais a mulher no mercado de trabalho, como tratar a questão salarial. Dilma destacou também a violência contra a mulher e a importância que dará à lei Maria da Penha. 


No quarto bloco, a conversa saiu da mesa e foi parar na cozinha. Dilma colocou a mão na massa e, ao lado de Ana Maria, preparou uma omelete de queijo, mostrando seu lado dona-de-casa. A presidente se encarregou de todos os ingredientes, enquanto falava sobre o aumento do poder de compra do brasileiro. Mas, preocupada com o prato, chegou a interromper o assunto para continuar cozinhando. Ao fim da visita, as duas aprovaram a “omelete presidencial” e Dilma aproveitou para agradecer a oportunidade de falar ao público de Ana Maria. 

O programa Mais Você’ tem apresentação de Ana Maria Braga, direção de núcleo de J.B. de Oliveira, o Boninho, e direção-geral de Vivi de Marco. 


Legendas: Dilma Rousseff e Ana Maria Braga - TV Globo / Renato Rocha Miranda



Mais novidades em www.redeglobo.com.br e @rede_globo.

 

Lara com Z – A diva volta como a Lady de MacBeth


Depois da intensa batalha em ‘Cinquentinha’ para ficar com os negócios do  viúvo, Lara Romero (Susana Vieira) decidiu captar dinheiro para fazer um filme. A verba acabou tomando outro rumo e a atriz comprou o Teatro João do Rio, em que se auto-presenteou com uma montagem monumental de “MacBeth”, em que faz a Lady. Para a montagem especial de uma das peças mais tradicionais de Shakespeare, no estúdio da Central Globo de Produção, foi montado um teatro com dimensões reais e plateia para 300 pessoas. 


De Aguinaldo Silva e Maria Elisa Berredo e direção de núcleo de Wolf Maya, o seriado estreia em abril na nova grade da Rede Globo. 

 
Legenda 1: Lara Romero (Susana Vieira) - TV Globo / João Miguel Júnior
 
 
Legenda 2: Antônio Marcondes (Guilherme Weber) - TV Globo / João Miguel Júnior
 
 
Mais novidades em www.redeglobo.com.br e @rede_globo.

O Esquenta! deste domingo homenageia o sucesso de Arlindo Cruz


Arlindo Cruz deixa o comando da banda do Esquenta!nas mãos de Leandro Sapucahy neste domingo, dia 27, para ocupar o posto de convidado musical do dia. Ele tem mais de 500 composições gravadas por grandes nomes da música nacional, além de diversos sambas-enredo premiados e vai sacudir a plateia com estes sucessos. Outras atrações musicais são o grupo Pura Tentação e Waguinho, ex-vocalista da banda Os Morenos.


Ainda no programa, Regina Casé recebe Nega Gizza, que canta seus hits e fala sobre sua história como uma das fundadoras da CUFA (Central Única das Favela) e os atuais projetos da organização. As risadas estão garantidas pela presença de Samantha Schmutz. A humorista do ‘Zorra Total’ faz imitações, improvisa um número com Arlindo Cruz e leva seu personagem Juninho Play para sambar com a madrinha do dia, Vânia Love.

Esquenta!’ vai ao ar aos domingos, após ‘Esporte Espetacular’. O programa tem direção de núcleo de Guel Arraes e direção de Estevão Ciavatta, Leonardo Netto, Monica Almeida e Mário Meirelles. O roteiro é finalizado por Alberto Renault e Hermano Vianna.


Legenda: Regina Casé - TV Globo / Alex Carvalho


Legenda: Leandro Sapucahy, Samantha Schmutz e Arlindo Cruz - TV Globo / Alex Carvalho



Mais novidades em www.redeglobo.com.br e @rede_globo.

MORDE & ASSOPRA - A Encalhada

Celeste (Vanessa Giácomo) é a filha caçula de Salomé (Jandira Martini) e tem um grande trauma. Foi abandonada pelo noivo, o filho do prefeito Isaías (Ary Fontoura), com quem ficou por seis anos. Tempos depois, a moça não encontrou um novo amor e o misterioso desaparecimento ainda rende fofoca para os moradores de Preciosa. Uns acreditam que Celeste é a culpada pelo sumiço do rapaz, outros apenas se divertem com o apelido que lhe deram: a Encalhada. 

 Apesar disso, Celeste ainda pensa em se casar. Ela é apaixonada por Abner (Marcos Pasquim), marido de sua falecida irmã. Para ficar próxima do fazendeiro, está sempre em sua casa e faz questão de cuidar de sua sobrinha Tonica (Klara Castanho). Para impedir que qualquer mulher se aproxime de seu amado, a Encalhada convence Tonica a ser sua aliada e também conta com a astúcia de sua mãe. As armações idealizadas por Celeste e Salomé, no entanto, nem sempre dão certo. 

‘Morde & Assopra’ é uma obra de Walcyr Carrasco, com direção de núcleo de Rogério Gomes.


Legenda 1: Celeste (Vanessa Giácomo) - TV Globo / Alex Carvalho

 
Legenda 2: Celeste (Vanessa Giácomo) e Salomé (Jandira Martini) - TV Globo / Alex Carvalho


Mais novidades em www.redeglobo.com.br e @rede_globo.


Rede Globo recebe duas indicações ao Digital Emmy com ‘Globo Amazônia’ e ‘As Vozes do Araguaia’

Nesta terça-feira, dia 22, foi anunciada a lista dos indicados ao Digital Emmy e a Rede Globo concorre nas categorias não-ficção e ficção com os projetos ‘Globo Amazônia’ e ‘As vozes do Araguaia’, respectivamente. 

O anúncio dos vencedores acontecerá no dia 04 de abril, durante cerimônia no MIPTV, em Cannes. O Digital Emmy é concedido pela International Academy of Television Arts & Sciences, organização sediada em Nova York que congrega emissoras de TV de países do mundo todo e premia conteúdo interativo apresentado em plataforma digital. 

O Globo Amazônia - www.globoamazonia.com - é um projeto lançado em setembro de 2008 e que reúne, numa única página, notícias ambientais sobre a Amazônia e um mapa interativo atualizado em tempo real com dados de queimadas e desmatamentos na região. O internauta pode ver detalhes e informações de cada um dos pontos e registrar seu "protesto" virtual contra a destruição da floresta. Até hoje, quase 600 mil pessoas adicionaram o aplicativo do Globo Amazônia no Orkut e registraram mais de 54 milhões de protestos. Em 2009, a convite da Comissão Europeia, o projeto foi apresentado em um Simpósio Internacional sobre o mapeamento digital da Terra em Stresa, na Itália. No final do mesmo ano, também a convite da Comissão Europeia, o Globo Amazônia participou da 15ª Conferência Mundial do Clima em Copenhagen, na Dinamarca. No início de 2011, o projeto foi ampliado. O novo Globo Natureza - www.globonatureza.com - engloba também outros biomas do Brasil. 

As Vozes do Araguaia’ é um projeto que apresenta de maneira sensível e envolvente a região do Araguaia por meio de imagens emocionantes e depoimentos verdadeiros de seus habitantes. O projeto fez parte das ações de lançamento da novela das seis, ‘Araguaia’, que estreou no dia 27 de setembro de 2010. A criação foi da Divisão de Comunicação Transmídia da TV Globo, que realizou um extenso trabalho de pesquisa para identificar e localizar moradores e visitantes do lugar. Na época da estiagem, de julho a setembro, o Araguaia vê sua população multiplicar por causa do turismo atraído pelo surgimento das belas praias e ilhas de areias brancas. Todos os depoimentos podem ser vistos no site do projeto -www.vozesdoaraguaia.com.br. O site tem os minidocumentários, o making of dessa aventura, fotos de bastidores, perfis dos entrevistados e informações sobre a região. E, integrando ficção e realidade, traz ainda entrevistas com os personagens da novela de Walther Negrão, com direção de núcleo de Marcos Schechtman. 

‘Globo Amazônia’ concorre com uma reportagem e um mapa interativo sobre geoglifos na Amazônia, com as produções do Reino Unido, Canadá e Noruega. Já o site Vozes do Araguaia’ disputa com produções do Líbano, Holanda e Reino Unido.


 
Mais novidades em www.redeglobo.com.br e @rede_globo.


Livro com roteiro de “Afinal, o que querem as mulheres?” à venda na Globo Marcas


A pergunta feita por Freud inspirou o diretor Luiz Fernando Carvalho a criar o seriado televisivo, que agora ganha uma coleção de livros completa. “Afinal, o que querem as mulheres?” é um licenciamento Globo Marcas, publicado pela editora LeYa Brasil, que reúne em seis livros o roteiro do seriado escrito por João Paulo Cuenca, com coautoria de Michel Melamed e Cecília Giannetti e texto final do próprio diretor.

O seriado foi ao ar em dezembro de 2010 pela Rede Globo recebendo inúmeras críticas positivas e grande repercussão nas redes sociais. A história gira em torno do psicanalista André, que inicia a trama envolvido com a preparação de sua tese de doutorado em Psicologia, exatamente sobre a pergunta “Afinal, o que querem as mulheres?”, formulada pelo pai da psicanálise, Sigmund Freud.

Mergulhado no trabalho, André acaba se afastando da mulher que ama, a artista plástica Lívia. A tese vira livro, depois série televisiva. Agora o leitor vai acompanhar a história que, com toques de humor e metalinguagem, tenta responder a questão freudiana a partir das relações do protagonista com as diversas mulheres com as quais ele se relaciona.

Cada livro traz o roteiro de um episódio. No primeiro deles são apresentadas as personagens principais e se desenha o arco dramático do seriado e da coleção. Numa sofisticada diagramação, utilizando imagens da série em formato que lembra a estética de quadrinhos, a coleção reproduz o ritmo narrativo e sensorial das imagens do diretor sem perder a força do texto contemporâneo e lírico dos autores.

“Há milênios os homens dedicam-se a inventar a mulher. Das nossas criações que desejam o eterno, essa é a mais poderosa – e arriscada... Inventar a mulher... Talvez essa seja a única forma de conhecê-la por baixo da superfície dos seus gestos e palavras... E essa invenção sempre começa com uma história de amor”

“O homem perde tempo insistindo em ver cada uma de nós como a vagabunda, o anjo, a companheira, o diabo, a popozuda, a santinha... Por que não descobre, depois de tanto tempo, que somos simplesmente seres humanos carregados de eletricidade feminina?”

O produto está à venda no portal Globo Marcas (www.globomarcas.com), pelos telefones (21) 2125-7025 (todo o Brasil) e (11) 2196-7025 (São Paulo).



Legenda: Livro ‘Afinal, o que querem as mulheres’ – TV Globo / Divulgação



Mais novidades em www.redeglobo.com.br e @rede_globo.

Globoesporte.Com Transmite Pela Primeira Vez Uma Partida Ao Vivo Para Iphone

  O site Globoesporte.com, líder em seu segmento na Internet, transmitirá pela primeira vez nesta quarta-feira, dia 23, uma partida de futebol ao vivo para iPhone. O internauta poderá  assistir da tela do seu celular a partida entre Inter de Milão e Bayern de Munique, às 16h45, válida pelos jogos de ida das oitavas-de-final da Liga dos Campeões. 
Para isso, basta acessar a página m.globoesporte.globo.com pelo aparelho. Na tela de navegação, o link para a transmissão ao vivo estará em destaque. 
O duelo entre as duas equipes é uma reedição da final da edição passada da competição. A Inter de Milão, do técnico Leonardo, possui um time com vários jogadores brasileiros, inclusive alguns que foram à última Copa do Mundo pelo Brasil. Júlio Cesar, Lucio e Maicon formam a defesa, enquanto Thiago Mota e Phillipe Coutinho atuam no meio de campo. O jogo de volta será na segunda semana de março.



Legenda: Globo Esporte/ Rede Globo - Divulgação.


Mais novidades em www.redeglobo.com.br e @rede_globo.


Equipe de Cordel Encantado grava no Vale do Loire

 O Castelo de Chambord, no Vale do Loire (França), serviu de locação para a próxima novela das seis, ‘Cordel Encantado’. O elenco e as equipes de produção e direção gravaram cenas da família real da fictícia Seráfia, entre elas o discurso do rei Augusto (Carmo Dalla Vecchia) para seu povo, um piquenique da nobreza e a partida da corte rumo ao Brasil. A viagem marcou a estreia de Zé Celso Martinez em telenovelas como Amadeus, o sábio conselheiro do rei. 

“Gravamos no Vale do Loire para contextualizar o núcleo da corte. Perto do castelo de Chambord havia uma cidade com estrutura, Blois, que recebeu muito bem a nossa equipe. Além disso, a construção é fabulosa, imponente, exatamente como a gente precisava”, explica o diretor de núcleo Ricardo Waddington. O castelo foi erguido pelo rei Francisco I, em 1519, para servir de base de caça. Além da fachada, de 156 metros de comprimento e 56 metros de altura, a produção usou o interior do edifício como cenário e também montou ali camarins e salas de caracterização. 

As cenas contaram com mais de 200 figurantes franceses e foram gravadas a uma temperatura de zero grau, só amenizada pelo rico e denso figurino de Marie Salles e Karla Monteiro. Os atores chegaram a usar oito camadas de roupas, incluindo peças térmicas e forros de lã. Ao todo, só com figurino, embarcaram 65 malas para a França. “Fazia muito frio e havia um nevoeiro constante. Foi difícil, mas todo o nosso esforço valeu muito a pena”, comenta a diretora-geral Amora Mautner.

Para as cenas externas, foram utilizadas 5 carruagens, entre elas uma que também fez parte do filme ‘Maria Antonieta’, de Sofia Coppola. A maioria dos objetos, como a louça, as cestas de piquenique e os tapetes foram alugados de antiquários locais, visitados previamente pela equipe de produção de arte e uma consultora francesa. Do Brasil, foram levadas sete malas com lunetas, bandeiras, lanças da guarda real e mapas de couro feitos especialmente para a novela.

Bastante animado com a sua volta às telenovelas, Luiz Fernando Guimarães estava impressionado com o clima do set de filmagens e com a cumplicidade da amiga de longa data, Debora Bloch. “Foi tudo muito divertido e leve. As cenas nos garantiram boas risadas e gravar com a minha querida Debora é sempre incrível”, disse o intérprete do mordomo Nicolau. Jayme Matarazzo, que vive o príncipe Felipe, e Maurício Destri, o infante Inácio, aproveitaram a atmosfera lúdica da cidade para fazer constantes caminhas pelas ruas de Blois, onde fica o castelo. Enquanto Thiago Lacerda e Carmo Dalla Vecchia, os dois reis da trama, registravam as imagens da região em suas câmeras fotográficas.


Ao todo foram oito dias de gravação. A jornada teve início no dia 31 de janeiro e terminou no dia 7 de fevereiro. Participaram das cenas no Vale do Loire os atores Thiago Lacerda (rei Teobaldo), Mariana Lima (rainha Helena), Alinne Moraes (rainha Cristina), Carmo Dalla Vecchia (rei Augusto), Debora Bloch (Úrsula), Luiz Fernando Guimarães (Nicolau), Jayme Matarazzo (Príncipe Felipe), Maurício Destri (Infante Inácio), Emílio de Mello (General Baldini), Felipe Camargo (Petrus), Guilherme Fontes (Zenóbio) e Luana Martau (Lady Carlota).
‘Cordel Encantado’ tem autoria de Thelma Guedes e Duca Rachid. A direção de núcleo é de Ricardo Waddington, direção-geral de Amora Mautner e direção de Gustavo Fernandez, Natália Grimberg e Thiago Teitelroit. 


Legenda 1: Nicolau (Luiz Fernando Guimarães) e Úrsula (Débora Bloch) - TV Globo / Zé Paulo Cardeal

Legenda 2: Carlota (Luana Martau) - TV Globo / Zé Paulo Cardeal



Mais novidades em www.redeglobo.com.br e @rede_globo.

 

Entram no ar os teasers da novela Morde & Assopra

 

Robôs e dinossauros se encontram nos teasers da próxima novela das sete da Rede Globo, Morde & Assopra, a partir desta semana. Os vídeos são animações em que os opostos, representados por um robô fêmea e por um dinossauro macho, se encontram. A princípio, eles simpatizam entre si, mas no momento seguinte, se estranham.

É na mais alta montanha do Japão, no lendário Monte Fuji, que começa a história da próxima novela das sete de Walcyr Carrasco, com direção de núcleo e geral de Rogério Gomes. O cenário deslumbrante é palco do grande sonho da paleontóloga Júlia (Adriana Esteves), que está no local à procura de fósseis de uma nova espécie pré-histórica para finalizar sua tese de doutorado. Um outro sonho, bem diferente, também leva Ícaro (Mateus Solano) ao Japão. Ele vai à terra do sol nascente conhecer novas tecnologias para criar um robô semelhante ao ser humano, na esperança de recuperar o amor de sua vida, Naomi (Flavia Alessandra). Um encontro casual une estes dois brasileiros, mudando o destino de Júlia.

Criados pela Central Globo de Comunicação (CGCOM), dos dois teasers irão ao ar nos intervalos da programação da emissora.


Ficha técnica

Criação: Hans Donner, Alexandre Pit e Igor San

Computação Gráfica: Beeld Motion



Mais novidades em www.redeglobo.com.br e @rede_globo.


Globo News exibe programação especial sobre o maior prêmio do cinema internacional


A Rede Globo exibe no próximo domingo, dia 27, logo após o Big Brother Brasil 11’, a cerimônia de entrega do Oscar, diretamente de Los Angeles, nos Estados Unidos. A festa da maior premiação do cinema internacional tem apresentação de Maria Beltrão, com comentários do ator José Wilker. Pela primeira vez a tradução está a cargo de dois intérpretes: Anna Luiza Vianna dá voz às mulheres e Malcolm Forest faz a tradução dos homens. Durante o ‘Fantástico’ e na transmissão do evento, a correspondente Giuliana Morrone entra em flashes ao vivo, direto de Hollywood, mostrando a preparação da cerimônia e a chegada dos famosos ao teatro.

Na Globo News, o programa ‘Estúdio i’, também apresentado por Maria Beltrão, tem uma semana dedicada especialmente ao Oscar. Nesta terça e quinta, dias 22 e 24, o comentarista Artur Xexéo fala sobre os atores e atrizes que disputam o prêmio deste ano. Na quarta, dia 23, Marcelo Balbio comenta as categorias técnicas de melhor fotografia, efeitos especiais, caracterização, etc. E na sexta-feira, dia 25, Tom Leão fecha a semana falando sobre a atuação dos diretores das obras.

Na noite desta quarta-feira, dia 23, o canal exibe ainda um ‘Arquivo N’ especial sobre a história do Oscar. O programa lembra os melhores momentos da festa do cinema desde quando ela foi criada, em 1939, fala sobre algumas das comentadas “zebras” do prêmio e mostra curiosidades dos bastidores. O especial exibe ainda uma entrevista exclusiva com o crítico de cinema Ricardo Calil. 

O programa ‘Estúdio i’ vai ao ar, na Globo News, de segunda a sexta-feira a partir das 14h, e o ‘Arquivo N’ especial sobre o Oscar é exibido nesta quarta-feira, dia 23, às 23 horas.  


Legenda: Oscar - Divulgação/Internet.

Mais novidades em www.redeglobo.com.br e @rede_globo.


Murilo Benício e Pedro Neschling respondem à enquete de Fernanda Lima


Nesta terça-feira, dia 22, Fernanda Lima realiza uma enquete para desmistificar a teoria de que somente as mulheres forjam o orgasmo. Para comentar se a prática também vale para os homens, a apresentadora vai às ruas conversar com pessoas comuns e atores, entre eles, Murilo Benício e Pedro Neschling. No estúdio do Amor & Sexo’, o “gaYme” tem a participação especial do goleiro Fabiano Borges. O jogador defenderá os chutes dos competidores em uma das provas do quadro, que premia o vencedor com um cruzeiro marítimo. 


Amor & Sexo’ tem direção de núcleo e geral de Ricardo Waddington e roteiro de Rafael Dragaud. A atração vai ao ar às terças-feiras, após ‘Big Brother Brasil’.  


Legenda 1: Fernanda Lima e Murilo Benício - TV Globo / Divulgação


Legenda 2: Fernanda Lima - TV Globo / Divulgação


Mais novidades em www.redeglobo.com.br e @rede_globo.


Fim do horário de verão traz alterações na programação em alguns estados do Brasil

A partir do início da programação de segunda-feira, dia 21 de fevereiro, a grade da Rede Globo sofrerá alterações em alguns estados, em função do fim do horário de verão, que termina à zero hora do dia 20. Alagoas, Amapá, Bahia, Ceará, Maranhão, Pará, Paraíba, Piauí, Rio Grande do Norte, Sergipe, Tocantins e a afiliada TV Grande Rio, localizada na região Petrolina, em Pernambuco, com cobertura de 22 municípios, que por lei não adotaram o horário de verão, terão a grade de volta ao seu horário tradicional, com início às 05h.

Em Pernambuco, nas áreas de cobertura da TV Globo Nordeste, que cobre 53 municípios, e na TV Asa Branca, que tem a cobertura de 108 municípios, a novela “Ti-ti-ti” volta a ser exibida após o ‘Praça TV 2ª edição’ às 19h30. Em seguida será exibido ao vivo o ‘Jornal Nacional’, às 20h30, em rede nacional.

Em Roraima, Acre, Amazonas e Rondônia, onde também não há horário de verão, mas há diferença de fuso de uma hora, a programação volta a ter início às 04h50. Nos demais estados, os horários na grade de programação não serão alterados.


Mais novidades em www.redeglobo.com.br e @rede_globo.


Divã


Uma mulher feliz, simples e consciente de suas conquistas. Assim é Mercedes, personagem de Lilia Cabral em ‘Divã’, seriado que vai ao ar a partir de abril na Rede Globo, com texto de Marcelo Saback, direção de núcleo de Jayme Monjardim e direção-geral de José Alvarenga Jr.

Após algum tempo afastada da terapia, a recém-separada Mercedes (Lilia Cabral) decide retornar ao consultório. Com Bruno (Duda Nagle) e Thiago (Johnny Massaro), dois filhos crescidos, cheios de planos e metas, ela segue com sua vida, repleta de erros e acertos.  Tentar e arriscar faz parte de sua natureza, mas, com o fim de seu casamento, passou a se permitir mais, julgar menos e a colocar em prática sua maior paixão: as artes plásticas. Essas mudanças, porém, trouxeram novas perguntas e ela volta a encontrar no divã o conforto necessário em busca de novas respostas para outros tantos questionamentos. 


Fazer o papel da amante com o homem dos seus sonhos em Nova York, lidar com o namoro do filho com uma pessoa mais velha, reencontrar o amor da escola, perceber que a vida pode ser muito breve e fazer amizades virtuais são apenas alguns dos desafios que ela irá viver. E para dividir esses momentos, Mercedes terá ao seu lado dois grandes parceiros - o cabeleireiro Renée (Paulo Gustavo), amigo confidente sempre a aconselhando de forma hilariante e inusitada, e Tânia (Totia Meireles), sua fiel escudeira e braço direito. Descolada e divertida, é dona de uma galeria de artes e dará a Mercedes a oportunidade de expor os seus trabalhos. E para perturbá-la, ou apenas para levantar sua autoestima, ela terá por perto o vizinho Jurandir (Marcello Airoldi). Gerente de um  banco e cinquentão viúvo, faz o papel do eterno apaixonado, apesar de estar longe de ser o tipo que a interesse. 


Para as gravações do seriado, que começaram em janeiro, o apartamento de Mercedes e o salão de cabeleireiro foram montados em um dos estúdios da Central Globo de Produção. Nas externas, muitas cenas em uma galeria de arte criada especialmente para ‘Divã’, além de gravações na cidade de Nova York, previstas para março. “Nós buscamos cenários com histórias, personalidade própria e aspecto cinematográfico. Mercedes é uma mulher que não tem medo de se expor, que movimenta o imaginário de todos nós. Então procuramos ambientes singulares, onde ela pudesse expressar tudo isso”, assinala José Alvarenga Jr., que dirigiu o sucesso no cinema e agora conta com parte do elenco e equipe de produção para realizar a continuação do projeto.

Com muita delicadeza e humor, o seriado mostra a vida de uma mulher comum, viável. “Mercedes é uma sábia representante de todos nós e por isso essa história é tão instigante”, conta Saback. O diretor de núcleo Jayme Monjardim também faz coro quando o assunto é ‘Divã’: “É um projeto incrível. Como fã incondicional da Lilia, não poderia ficar mais feliz em apresentar esta personagem na televisão”.


Figurino e caracterização: uma nova Mercedes em ‘Divã’

A figurinista de ‘Divã’, Ellen Milet, se inspirou no filme para a criação do figurino do seriado. Logo, a cor azul e todas as suas variações continuam prevalecendo no visual de Mercedes, mas alguma mudanças significativas aparecem na personagem. "Mercedes continua com o mesmo estilo, mas com a diferença agora de ser uma mulher separada. A essência é a mesma, mas, de certa forma, essa nova vida acaba influenciando o seu visual no seriado", expõe. 

Mais feminina, moderna e sensual, a personagem de Lilia Cabral surge com os cabelos mais longos e usando decotes acentuados, braços de fora e saias rodadas. Vestidos estampados e com cara de verão também farão parte do guarda-roupa de Mercedes.  Já em Nova York, devidamente adaptada ao visual da cidade, ela poderá ser facilmente confundida com uma novaiorquina. “Mercedes vai deixar tudo no Brasil e se vestir como uma pessoa local. Cores escuras, muito preto, cinza e azul estarão no figurino. É quase monocromático”, detalha Ellen.

Para a personagem de Totia Meireles , a figurinista usou como base a personalidade forte de Tânia. “Ela é uma mulher sofisticada e moderna, o visual será o mais minimalista possível, simples, com muito preto, bege e colares que podem ser confundidos com objetos de arte”, define. O cabeleireiro Renée (Paulo Gustavo) adota coletes e estampas meio rock´n roll.

Cenografia e produção de arte

Para dar vida ao universo de Mercedes, a equipe de cenografia e produção de arte, ficou atenta aos mínimos detalhes ao criar os cenários da personagem. A casa de Mercedes e o salão de beleza que ela frequenta foram ambientados nos estúdios da Central Globo de Produção. “Fizemos uma casa de verdade dentro do estúdio, com cozinha, todos os quartos, banheiro, sala e o ateliê de pintura. A partir deste cenário, e das cores dele, todos os outros foram desenvolvidos. Como Mercedes é uma artista, e no seu ateliê há um grande mural aquarelado feito por ela, estendemos este conceito para todos os outros cenários”, explica o cenógrafo Claudio Domingos.

Separada e com o trabalho como pintora despontando, a casa de Mercedes reflete essa sua fase mais confiante e segura. Não há nada que seja moda ou tendência no cenário, apenas o que Mercedes seria capaz de escolher, pensar ou criar. “São móveis que seriam herdados ou comprados por ela há muito tempo. Alguns ela mesma pintou e renovou. Não quer dizer que seja antiquado, é apenas atemporal. Mercedes estará sempre à parte das tendências, ela é única”, detalha Claudio.  

Obras de arte e o trabalho de diversos artistas em ascensão no mercado de artes plásticas também estarão no seriado.  Para realizar o trabalho de produção de arte de ‘Divã’, Luiz Carlos foi buscar em galerias, como Amarelonegro, Cosmocopa e Silva Cintra + Box 4, nomes que pudessem ilustrar melhor estes trabalhos. “A ideia é levar ao telespectador esses talentos e mostrar que é possível apresentar arte na televisão. Nomes como Felipe Barbosa, Rosana Ricalde, Ricardo Ventura, Alexandre Orion poderão ser vistos em Divã”, revela. Já os trabalhos de Mercedes foram todos produzidos pela equipe de produção de arte do seriado. Ficção e realidade irão se misturar a tal ponto que a exposição individual da personagem na galeria terá, inclusive, uma curadoria especial. “Convidamos o crítico de arte Marco Antonio Teobaldo para assinar os trabalhos que a equipe de arte preparou para Mercedes”, conta o produtor.

Entrevista com o autor Marcelo Saback

O ator, diretor e autor Marcelo Saback tem diversificado seu trabalho em várias mídias. Ainda adolescente, em Brasília, apresentou-se com Oswaldo Montenegro e Zélia Duncan. Mais tarde, já formado em Artes Cênicas, trabalhou com Dulcina de Moraes. No Rio, dirigiu várias peças, de tema adulto e também infantil, e foi indicado aos prêmios Shell e Moliére. Na tevê, fez participações em novelas e dirigiu o programa ‘Chico Total’ nos anos 90. Como roteirista, escreveu para os humorísticos ‘Sai de Baixo’, ‘Vida ao Vivo’ e Sob Nova Direção’. Foi também colaborador na primeira temporada de ‘Tudo Junto e Misturado’.

Qual foi o maior desafio desta adaptação?

Marcelo Saback: O maior desafio é imaginar a mesma personagem proposta por Martha Medeiros vivendo outras situações, contando outras histórias e refletindo sobre outras questões, agora propostas por mim. O que teoricamente parece simples, na verdade tornou-se um instigante exercício.     

O que o seriado terá de diferente do filme e da peça?

Marcelo Saback: O seriado tem a personagem central e seu núcleo de relações mantido. Inclusive, e como não poderia deixar de ser, sua visita semanal à terapia. A linguagem da narrativa é similar. Mas apenas isso. As histórias seguem do ponto onde parou no filme em diante.

O que veremos da transformação de Mercedes? Ela vai se permitir mais?

Marcelo Saback: Sim, claro! (risos) Mercedes sempre questiona, e quem questiona não pára! E quanto mais nos analisamos, mais nos permitimos a erros e acertos. Mercedes viverá novas situações, felizes, tristes, vai rir, vai chorar, vai ganhar e perder. Terá certezas e incertezas como todos nós.


Entrevista com o diretor de núcleo Jayme Monjardim

Jayme Monjardim é um diretor de grandes sucessos. Seus mais recentes trabalhos na TV Globo foram os programas ‘Acampamento de férias II – Árvore da Vida’ (2011) e ‘Aventuras do Didi’ (2010), as novelas ‘Viver a Vida’ (2009), ‘Páginas da Vida’ (2006), que marcou o início de sua parceria com Manoel Carlos, ‘América’ (2005), ‘O Clone’ (2001) e ‘Terra Nostra’ (1999), todas ganhadoras de prêmios internacionais. Também esteve à frente das minisséries ‘Maysa – Como fala o coração’ (2009), ‘Chiquinha Gonzaga’ (1999), ‘Aquarela do Brasil’ (2000) e ‘A Casa das Sete Mulheres’(2003). No cinema, Jayme dirigiu o filme “Olga” (2004), baseado no livro homônimo de Fernando Morais.
  


De onde surgiu a ideia de adaptar ‘Divã’ para a TV?

Jayme Monjardim: Ter um projeto com a Lilia Cabral já era um objetivo. Quando vi o filme, me apaixonei e achei que seria interessante fazermos um seriado. Ela é uma atriz incrível e, o Alvarenga, um diretor espetacular.

O que faz de Divã um ‘produto’ tão multimídia?

Jayme Monjardim: Divã é um projeto com um leque de opções muito grande, que discute mulher, relacionamento, angústia, tristezas e alegrias. Ele nos dá margem para abrir uma discussão de vários temas, e todos ligados ao mundo moderno.

A história da Mercedes acaba aqui?

Jayme Monjardim: Não podemos adiantar nada, mas ela, finalmente, conseguirá uma bolsa para estudar artes plásticas na França e, quem sabe, não voltará ainda mais transformada...


Entrevista com o diretor geral José Alvarenga Jr.

Com trabalhos no cinema, na televisão e na publicidade, José Alvarenga Jr. passeia com habilidade por diversos gêneros e linguagens. O diretor geral começou a carreira no cinema e já lançou nove longas-metragens: ‘Os Normais 2 – A Noite Mais Maluca de Todas’, ‘O Divã’, ‘Os Normais, o filme’, ‘Zoando na TV’, ‘Os Heróis Trapalhões – Uma Aventura na Selva’, ‘O Casamento dos Trapalhões’, ‘A Princesa Xuxa e os Trapalhões’, ‘O Mistério de Robin Hood’ e ‘Os Trapalhões e a Árvore da Juventude’. Antes de trabalhar na TV, atuou na publicidade e chegou a produzir mais de 150 comerciais em seis anos. Ingressou na TV Globo no seriado 'A Justiceira', em 1997, e, desde então esteve em produções como ‘Os Normais’, ‘Minha Nada Mole Vida’, ‘Os Aspones’, ‘Os Amadores’, ‘A Diarista’, ‘Mulher’, ‘Força Tarefa’ e ‘Separação?!’.

Como seguir com a personagem Mercedes, desta vez na TV?

José Alvarenga Jr.: Foi muito bom poder continuar contando aquela mesma história, tão rica, bem constituída e bem interpretada pela Lilia Cabral. Trouxemos todos os bons personagens do filme para seguir com ela nos episódios. E para aqueles que já não poderiam estar mais, como a amiga que faleceu (Monica), fomos buscar no livro de Martha Medeiros outra pessoa. O bacana também foi ter tempo para abordar vários temas, e, claro, melhorar ainda mais a qualidade de tudo.

Como a trama irá se desenvolver? 

José Alvarenga Jr.: A ideia era fazer uma obra fechada. Tirando o primeiro e segundo episódios que se comprometem, todos os outros são independentes.

Como foi a seleção da trilha sonora?
José Alvarenga Jr.: Mercedes é uma mulher de 50 anos e de bem com a vida. A trilha sonora terá muito anos 70 e 80, Chico Buarque, Caetano Veloso, Marina e Tim Maia.

 Perfil dos personagens


MERCEDES (Lilia Cabral) – Uma mulher feliz, simples e consciente de suas conquistas. Após algum tempo afastada da terapia, decide voltar ao consultório. Sua vida continua, com acertos e erros. Na vida profissional, conseguiu por em prática sua maior paixão, as artes plásticas. Na vida pessoal, passou a se permitir mais e se julgar menos.

BRUNO (Duda Nagle) e THIAGO (Johnny Massaro) – Filhos de Mercedes. Já estão crescidos, cheios de plano e metas.

TÂNIA (Totia Meireles) – Melhor amiga de Mercedes, descolada e divertida. Foi casada várias vezes, é leitora voraz de livros de auto-ajuda e dona de uma galeria de artes. 

RENÉE (Paulo Gustavo) – Amigo cabeleireiro, extravagante e falante. Vive aconselhando Mercedes de forma hilariante e inusitada e, naturalmente, com incrível sabedoria popular.

MAGALI (Julia Almeida) - Dona do salão de beleza onde trabalha Renée e equivocadamente interessada por ele.

JURANDIR (Marcello Airoldi) - Vizinho e gerente do banco de Mercedes. Um cinquentão viúvo, apaixonado por Mercedes, apesar de estar longe de ser o tipo que a interesse. 

NATALIA (Lidiane Ribeiro) –  Empregada de Mercedes.

Legenda 1: Mercedes(Lilia Cabral) e Tânia (Totia Meireles) – TV Globo / Márcio Nunes

Legenda 2: Mercedes(Lilia Cabral), Thiago (Johnny Massar) e Bruno (Duda Nagle) – TV Globo / Márcio Nunes

Legenda 3: Suzana (Patricia Pillar) e Carlos (Domingos Montagner) – TV Globo / Márcio Nunes


 
 Mais novidades em www.redeglobo.com.br e @rede_globo.